Recicle-se: O VAR e a ética no futebol

Era o segundo tempo, quando o pé de Nilton Santos cruzou o caminho do atacante espanhol Enrique Collar. Sorrateiro, o zagueiro canarinho adiantou o passo, como ele próprio confirmou, e o que seria um pênalti contra o selecionado brasileiro, foi, sobejamente, convertido em falta para a Espanha, fora da área, portanto. Celebrado como o verdadeiro […]

Leia mais