Educação a distância: quais cursos podem ser feitos na modalidade?

Notícias

Formato tem cada vez mais sido requisitado para formação superior

Escolher um curso ofertado na modalidade a distância muitas vezes é opção para quem deseja pagar menos – visto que os custos da manutenção são menores – ou adequar os estudos à rotina do dia a dia, já que nesse formato o aluno pode estudar quando e onde quiser.

Na modalidade, o contato com o conteúdo do curso, os professores, colegas de turma e coordenadores é feito em plataforma virtual, bem como os fóruns para a comunicação com os outros estudantes. Provas, exames e estágios são realizados presencialmente, em alguns casos, variando de acordo com as diretrizes da instituição.

Entre os tipos de cursos ofertados na modalidade EAD, estão: Ensino Técnico, Graduação, Pós-graduação e Cursos Livres. Quem deseja fazer um curso EAD, pode escolher entre as mais diferentes áreas de atuação. Entre as principais, destacamos:

•    Administração    

•    Ciências Contábeis

•    Comunicação

•    Design

•    Educação

•    Gastronomia     

•    Gestão Ambiental

•    Gestão de RH

•    Gestão Pública

•    Gestão Hospitalar

•    História

•    Língua Portuguesa

•    Logística

•    Pedagogia     

•    Marketing

•    Serviço Social

Graduações que não podem ser feitas online

Ainda que o número de cursos oferecidos na modalidade EAD cresça a cada momento, ainda existem algumas formações que não contam com esse formato de ensino. Esses cursos requerem a vivência do aluno com os objetos de estudo e, por essa razão, ainda não podem ser oferecidos na modalidade EAD. Porém, a expectativa é que, com o avanço da tecnologia, não existam mais restrições práticas e até mesmo teóricas para que todos os cursos de graduação possam ser realizados pela internet, no ensino a distância. 

Entre eles, destaca-se:

•    Astronomia

•    Direito

•    Cinema

•    Fonoaudiologia

•    Medicina

•    Medicina Veterinária

•    Odontologia

•    Psicologia

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Deixe seu comentário

Você precisa estar logado no Facebook para comentar.