AmpaRO: Pagamento das três parcelas do 3º lote está disponível

Notícias

Os 1.593 beneficiários do Programa de Transferência de Renda Temporária (AmpaRO), da Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), que fazem parte do lote 3, já podem acessar o aplicativo CAIXA TEM e utilizar as parcelas referentes aos meses de julho, agosto e setembro, totalizando o recurso no valor de R$ 600.

Esses beneficiários são os que possuíam inconsistência de dados cadastrais nos lotes anteriores e no período determinado fizeram a correção no sistema. A partir desta quarta-feira, é possível através do aplicativo realizar pagamentos de boletos, transações e transferências bancárias ou compras via aplicativo. Sendo ainda possível sacar no caixa eletrônico da empresa bancária, através do código gerado no aplicativo do CAIXA TEM.

O Programa AmpaRO foi criado pela Seas em benefício das famílias que se encontram em situação de extrema pobreza, cadastradas no programa Bolsa Família e com renda per capta familiar declarada no Cadastro Único de até R$ 89, sendo estas beneficiadas com um complemento de renda no valor de R$ 200,00 mensais.

PRORROGAÇÃO AMPARO

Visando dar maior assistência a essas famílias rondonienses, a Seas após tratativas junto à instituição financeira responsável pelos pagamentos decidiu prorrogar o Programa AmpaRO por mais três meses, beneficiando dessa forma as famílias vulneráveis até o mês de dezembro. Segundo a primeira-dama e secretária da Seas, Luana Rocha, a prorrogação do programa foi necessária diante do atual cenário de pandemia.

“Com a prorrogação do Programa AmpaRO essas famílias vão receber o complemento da renda até o fim do ano, que será de grande ajuda neste momento”, ressaltou a secretária.

O novo calendário com as datas dos pagamentos dos meses de outubro, novembro e dezembro será divulgado em breve.

Ainda existem beneficiários que possuem pendências em relação aos dados cadastrais. Neste sentido, a Seas informa que foi divulgada duas listas com os nomes dos beneficiários que necessitam fazer as correções, que deverão ser realizadas pelo próprio beneficiário no sistema do Programa AmpaRO, em período a ser divulgado.

secom

Deixe seu comentário

Você precisa estar logado no Facebook para comentar.