Falta de Armazenamento adequado de lixo hospitalar volta a incomodar moradores em Nova Mamoré

Notícias Nova Mamoré e Região

Na última quinta-feira (18) a Equipe do F1 Notícias recebeu novamente fotos e vídeos do lixo do hospital municipal de Nova Mamoré. Nas imagens, o lixo hospitalar está depositado no estacionamento das ambulâncias. O jornal já havia recebido informações sobre essa situação e chegou até mesmo a entrar em contato com servidores da secretaria de saúde do município. 

Na ocasião, as informações que foram passadas por um servidor da saúde de Nova Mamoré informava que o lixo que aparece no vídeo é lixo comum que normalmente era coletado na segunda-feira, informou ainda que o lixo hospitalar era armazenado em tambores e são recolhidos por uma empresa que leva para Porto Velho e onde são incinerados, sem causar nenhum dano à saúde da população de Nova Mamoré.  

As imagens que nos foram enviadas na última quinta-feira (18) mostram o lixo no mesmo lugar, apenas coberto com uma lona. Além disso, em um dos vídeos enviados é possível identificar lixo hospitalar na garagem das ambulâncias. Veja os vídeos a seguir.

Imagens recebidas via whatsapp

O prefeito de Nova Mamoré, Marcélio Uchôa, respondeu em suas redes sociais que “[…] tanto o mês de Novembro e Dezembro não haviam sido pagos, com isso a empresa não fez a coleta, já em Janeiro conseguimos realizar o empenho a empresa foi paga, porém como ela é única responsável pelo recolhimento tivemos aqueles transtorno pelo grande acúmulo. Ela fornece os tambores de armazenamento, que são 15, já fizemos o pedido de mais tambores, para que o recolhimento possa ser regularizado e aquilo não volte acontecer”. 

Vale ressaltar que o manuseio adequado e correto dos RSS, onde se inclui o “lixo hospitalar” de Nova Mamoré, deve seguir regulamentação dada pela ANVISA, através da Resolução – RDC n° 222/2018 que versa sobre os requisitos de Boas Práticas de Gerenciamento de Resíduos de Serviço de Saúde e se aplica aos geradores de resíduos de serviços de saúde (RSS) cujas atividades envolvam qualquer etapa do gerenciamento dos RSS, sejam eles públicos e privados.

Deixe seu comentário

Você precisa estar logado no Facebook para comentar.