Prefeito de Porto Velho aciona a Justiça para que estado decrete Lockdown no município

Política

O principal motivo é a falta de remédio e estrutura suficiente para atender os paciente com Covid-19. Até o momento Porto Velho acumula 10.893 casos confirmados da doença. 

Por F1 Notícias

A prefeitura de Porto Velho, através da Procuradoria Geral do Município, entrou com uma ação na Justiça de Rondônia solicitando que o Governo do Estado decrete em caráter emergencial o Lockdown por mais 14 dias no município. Para além disso documento argumenta a necessidade da cassação do decreto do Governo do Estado que permitiu o funcionamento do comércio, inclusive o shopping. 

Conforme a procuradoria, o motivo principal é a falta de remédio e estrutura para receber pacientes infectados pela a doença. Por conta disso a medida propõe um decreto de imediato lockdown (isolamento mais rígido) no município pela falta de condições e o crescente número de casos confirmados. 

Em entrevista coletiva o prefeito da capital Porto Velho, Hildon Chaves, lamentou a falta de alinhamento entre os poderes e defendeu o estabelecimento de um verdadeiro lockdown, porém afirmou não ter como fazer cumprir o essa medida. Segundo ele, para que a medida fosse de fato acatada pelo portovelhenses seria necessário ter “a polícia na mão”.

Confira o documento na íntegra

Deixe seu comentário

Você precisa estar logado no Facebook para comentar.