Candidatos a prefeito de Porto Velho — Foto: G1 RO

Eleições 2020: Conheça os projetos dos candidatos a prefeito de Porto Velho

Política

Conheças as propostas politicas dos candidatos às eleições a prefeito de Porto Velho RO. A seguir, uma lista de projetos e sugestões dos candidatos.

Aqui estão alguns pontos-chave dos planos de governo candidato em ordem alfabética de acordo com a pesquisa do portal G1:

Coronel Ronaldo Flores (Solidariedade)

Na proposta de governo do Coronel Ronaldo Flores, do Solidariedade, está descrita a implantação de um sistema digital para o cadastramento da população de Porto Velho; do atendimento médico via telemedicina e interconsulta, quando possível, nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA).

Cristiane Lopes (PP)

A candidata, do PP (Partido Progressista), dividiu o seu plano de governo em seis eixos, sendo eles: social, urbano, econômico, meio ambiente, gestão e rural. Ela detalha que pretende implementar uma Central Municipal de Intérprete de Libras, criação de escola técnica do SUS e, também, a promoção de coleta seletiva.

Dr. Breno Mendes (Avante)

Dr. Breno Mendes, do Avante, se diz baseado nos princípios de participação, transparência e eficiência. Apresentou a implantação de escolas integrais em áreas rurais e de maior vulnerabilidade, além da criação de centros municipais de reforço escolar, e da realização de cursos para promover a formação artística com base em saberes tradicionais.

Edvaldo Soares (PSC)

Candidato pelo PSC (Partido Social Cristão), Edvaldo Soares propõe a criação de um espaço voltado à saúde da mulher e a implantação de atendimento móvel rural com equipes médicas multidisciplinares. Ele também cita que irá debater com a população sobre soluções de problemas de mobilidade, incluindo trânsito e transporte, e de um programa de registro de animais.

Geneci Gonçalves (PSTU)

O candidato Geneci Gonçalves, do PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado) pretende criar subprefeituras nas regiões de Porto Velho com eleições diretas para subprefeitos. Geneci promote criar uma linha de transporte que ligue as zonas Leste e Sul ao centro, assim como a implementação de passe livre para famílias cadastradas em programas sociais.

Hildon Chaves (PSDB)

Concorrendo à reeleição, o atual prefeito de Porto Velho do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), Hildon Chaves, fala sobre reforma das bibliotecas municipais, conclusão do programa de asfaltamento, a implantação de uma Central de Libras e sobre a instalação de uma vila olímpica com integração de ginásio e parque aquático no seu plano de governo.

Leonel Bertolin (PTB)

Leonel Bertolin, do PTB (Partido Trabalhista Brasileiro), promete que o seu compromisso básico é com a concretização dos direitos fundamentais e a elevação da qualidade dos gastos públicos. Propondo a criação do programa Família Feliz, tendo a valorização da família como a base de políticas sociais, e de um programa de incentivo progressivo na educação, com a concretização do Plano Municipal de Educação.

Lindomar Garçon (Republicanos)

Plano de governo não está disponível na página do TSE.

Pimenta de Rondônia (PSOL)

Pimenta de Rondônia, do Psol (Partido Socialismo e Liberdade), propõe a inserção de temáticas de gênero, raça, etnia, orientação sexual e identidade de gênero nas formações oferecidas aos profissionais que atuam na Educação Básica, bem como a inserção de disciplinas de Educação no Trânsito, meio ambiente e Fundamentos básicos do Direito no Ensino Fundamental.

Ramon Cujuí (PT)

Ramon Cajuí, do PT (Partido dos Trabalhadores), dividiu o seu plano de governo em 13 eixos, sendo alguns deles: Transição Ecológica para a Sociedade do Século XXI; Desenvolvimento Econômico Sustentável e Solidário; Desenvolvimento Rural Social e Ambientalmente Sustentável; Educação Inclusiva e de Qualidade; Segurança Pública Cidadã.

Samuel Costa (PC do B)

Samuel Costa, do PCdoB (Partido Comunista do Brasil), pretende focar as suas ações na qualidade de vida dos moradores nos 15 bairros mais pobres da capital, com obras de saneamento e infraestrutura, é a primeira proposta apresentada no plano de governo do candidato, segundo apurou o G1.

Sargento Eyder Brasil (PSL)

O candidato do PSL (Partido Social Liberal), Sargento Eyder Brasil, promete ter a saúde como a “prioridade das prioridades” através do melhoramento do atendimento básico e o estabelecimento de um programa de saúde preventiva. Ele também fala sobre a criação de uma guarda municipal e a jornada integral do aluno na escola.

Ted Wilson (PRTB)

Ted Wilson, do PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro), também fala na criação de subprefeituras nas regiões da capital e uma secretaria distrital; criação de escolas nas áreas rurais, urbanas e ribeirinhas, e a criação de uma Universidade Municipal de Porto Velho.

Vinicius Miguel (Cidadania)

O plano de governo dividido em três eixos do Vinicius Miguel, do Cidadania, aborda temas como educação, cultura, esporte e lazer, acessibilidade, direito das mulheres, desenvolvimento econômico, agricultura, meio ambiente, sustentabilidade, infraestrutura, segurança, e outros. Ele pretende ampliar a oferta de educação integral infantil e a criação de plataformas para exposições online e currículo artístico.

Williames Pimentel (MDB)

Williames Pimentel, do MDB (Movimento Democrático Brasileiro), também pretende mexer na estrutura de gestão da cidade, implementando quatro regionais administrativas no município e duas subprefeituras nas regiões do Alto e do Baixo Madeira. Ele promete criar escolas integrais e planejar a atração de investimentos para a criação da Orla do Madeira, para a pavimentação de 80% das vias e conclusão das obras do aterro sanitário.

Deixe seu comentário

Você precisa estar logado no Facebook para comentar.