Argentina registra mais 10 mortes por coronavírus e mais 98 infectados

Mundo

A Argentina registrou nesta quinta-feira mais dez mortes pelo novo coronavírus no país, elevando o total para 122, e 98 casos, chegando a 2.669 desde o começo da pandemia, segundo o relatório diário emitido pelo Ministério da Saúde.

Houve três novos óbitos em Buenos Aires, cinco em outras cidades da província homônima à capital, uma em Mendoza e uma em Chaco. Ainda de acordo com o documento do ministério, trata-se de oito homens e duas mulheres, todos com idade entre 54 e 95 anos.

Do número total de casos confirmados, 31,8% são importados, 35,8% são pessoas que tiveram contato com infectados, 16,8% são de circulação comunitária e 15,6 estão sob investigação epidemiológica.

A Argentina está em uma situação de isolamento social obrigatório desde 20 de março, em decreto que estará em vigor pelo menos até 26 de abril.

GOBERNADOR DE BUENOS AIRES DA NEGATIVO POR CORONAVIRUS

O governador da província de Buenos Aires, Axel Kicillof, revelou nesta quinta pelo Twitter testou negativo para coronavírus e destacou que continuará com sua agenda normal.

“Como governador, não poderia estar em casa observando este progresso, sabendo que os trabalhadores de segurança, saúde e educação estão mais expostos. Estou andando por aí, vendo os canteiros de obras, o que é necessário. Fui eleito para isso e vou continuar”, escreveu.

Kicillof havia visitado há alguns dias um hospital em Buenos Aires onde se soube posteriormente que vários de seus funcionários tinham Covid-19.

EFE

Deixe seu comentário

Você precisa estar logado no Facebook para comentar.